Adestramento

Passeio tranquilo com seu cachorro

Não tem nada pior do que sair para passear com seu cãozinho e ele sair correndo como um louco e te fazer passar vergonha no meio do parque, principalmente quando o cachorro é grande e difícil de segurar! A Dra Ivana, da Pet Society, aconselha a utilizar uma guia ajustável ao redor do pescoço, em uma posição alta, para transmitir informações ao cãozinho. “Inicie com passeios mui to curtos, toda vez que o ele puxar e se afastar diga não e pare o passeio, quando ele ficar novamente ao seu lado elogie e inicie novamente a caminhada”. Você também pode levar um petisco ou um brinquedo que o cãozinho goste, mostrando a ele o objeto todas as vezes em que ele se distrair ou parar de prestar atenção em você.

De acordo com a veterinária Ana Lúcia, existem técnicas e até mesmo coleiras especiais para controlar o animal na hora do passeio. “Coleiras peitorais estimulam o cão a puxar. A co leira de pescoço com a guia lhe ajuda a ter mais controle sobre o animal. Algumas pessoas utilizam o enforcador que, apesar do nome, não deve enforcar o animal. Eu prefiro não utilizar este tipo de equipamento sem a orientação de um profissional”, aconselha. Uma boa pedida é a coleira Gentle Leader, que já é bem famosa no exterior e que agora está ganhando espaço no Brasil. Ela não machuca o cão e funciona a partir do instinto do animal, pressionando os mesmo pontos que o líder da matilha utiliza para repreender os outros membros. É bem interessante, garante a especialista.

É muito importante acostumar seu cãozinho com passeios desde filhote, assim que as der as vacinas e a vermifugação. “Cães amam passear, é um momento de muitos estímulos: muitos cheiros, barulhos, enfim. As sim como para outras situações, é importante que seu cão saiba que você é o líder da matilha. Ele deve andar ao seu lado ou atrás de você, nunca à sua frente ou puxando a guia para todos os lados. Você deve ensiná-lo e manter-se firme, não deixe que ele te domine”, explica Ana Lúcia. O importante é nunca desistir de passear com o seu cão. Quanto mais habituado ele estiver aos passeios, menos ansioso e desesperado ele fi cará cada vez que for sair.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top